fbpx

O que é Literatura imaginativa ou literatura de ficção


A Literatura imaginativa é aquela cuja narrativa é ficcional ou histórica.

Porém, a leitura de literatura imaginativa é mais difícil do que a de um livro técnico porque exige um esforço imaginativo. Seu objetivo é deleitar.

Através da imaginação, enquanto lemos, criamos as imagens descritas nos livros e que faz com que a gente viva as experiências que estamos vivendo através das personagens.

Benefícios da literatura imaginativa

A literatura imaginativa ou literatura de ficção traz vários benefícios para o leitor. Conheça alguns:

  • melhora o vocabulário, já que trabalha a linguagem, através das palavras, utilizando de recursos linguísticos como a metáfor;
  • melhora a nossa criatividade;
  • amplia nosso repertório;
  • amplia a nossa capacidade de compreensão e comunicação;
  • nos permite viver várias vidas e visitar lugares desconhecidos.

Mas antes de iniciar qualquer leitura sempre tenha um objetivo para ela.

Conselhos para aproveitar ainda mais a sua leitura

Mortimer J. Adler, em “Como ler livros”, apresenta alguns conselhos para aproveitar ainda mais a leitura de uma obra de ficção ou imaginativa. São eles:

  • esteja aberto a ela;
  • se permita viver aquela experiência;
  • fique atento(a) aos recursos poéticos;
  • não critique a obra até terminar o livro.

adquira seu exemplar de \”Como ler livros\”

Regras para a leitura de literatura imaginativa ou de ficcção

Além de conselhos, Adler apresenta 3 regras a serem usadas durante a leitura de literatura imaginativa:

  • regras estruturais;
  • regras interpretativas;
  • regras críticas.

Regras estruturais

  • classifique de acordo com a espécie: poema, romance, teatro. a leitura de cada uma é diferente.
  • O livro é sobre o quê? Resuma em uma ou das frases.
  • Tente descobrir como se dá o desenvolvimento do enredo. Ou seja, detalhes da caracterização e dos acontecimentos, dentro de uma estrutura temporal, e o clímax.

Regras interpretativas

  • Elementos de ficção: episódios, acontecimentos, personagens, pensamentos, falas, sentimentos e ações.
  • Atenção a cena ou pano de fundo total.
  • Siga as personagens Deixe que eles te guiem.

Regras críticas

  • Não critique a obra até ter terminado o livro.
  • Primeiro jugamos pelo gosto. Mas devemos nos perguntar por quê gostamos ou não.

Vale lembrar que as regras não devem te enrijecer. Elas servem apenas como um caminho que pode te ajudar a apreender melhor o sentido da obra.

Se quiser saber mais sobre esse tema, recomendo a leitura de “Como ler livros” de Mortimer J. Adler.

Neste livro, Adler fala sobre o que é literatura de ficção, entre outros tipos de literatura, apresentando orientações para apreender o sentido de cada obra. Vale muito a pena a leitura.

Deixe um comentário

Descubra mais sobre Alê Costa

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading